Ínicio Arquivo

Modelo 3D da Fortaleza de Alhambra em Espanha com Autodesk Maya e V-Ray

 2017-03-23

Fruto da tese de doutoramento da espanhola Adelaida Martín, o vídeo divulgado reconstrói virtualmente a Fortaleza de Alhambra peça por peça, nível por nível. 

Esta fortificação do século IX é a parte mais antiga de Alhambra e foi a residência real de Andaluzia, declarada em 1984 pela UNESCO como Património da Humanidade. 

"Eu estou sempre a dizer que é necessário estudar os detalhes da obra, e sempre surpreendo-me com algo novo, algo que passou, algo oculto, mágico, que está à nossa espera em cada canto", conta Carlos Álvarez, responsável pela reconstituição virtual da obra com ajuda dos softwares Autodesk Maya e V-Ray.

Carlos Álvarez partilha como foi reconstruir digitalmente esta obra: Trata-se de um enorme esforço, procurar desde a história de cada elemento construtivo até às plantas recentes e inéditas realizadas por Adelaida Martín. A mesma forneceu-me quase todos os dados necessários para a realização do modelo 3D da fortaleza e sem sua ideia nunca teria tido a oportunidade de recriar esta obra.

Ao começar a modelar cada elemento, descobrimos que algumas das plantas anteriores às suas não estavam totalmente corretas. Assim, solicitamos executivo do município de Alhambra que nos deixassem tirar fotografias de cada elemento da fortaleza. Estas foram úteis quer para a parte de modelação, como também enriqueceram a tese de Adelaida. 

A Fortaleza de Alhambra passou por muitos períodos, porém, concentrámos os nossos esforços no seu estado atual para realizar o modelo 3D.

O primeiro elemento que modelei foi a Torre de la Vela, símbolo emblemático da cidade. A partir daí, fui modelando o resto dos elementos independentemente. Uma vez concluídos, chegara a parte crítica: o momento de união dos elementos nas suas posições finais. 

Uma vez terminada a fase de modelação e comprovada que a mesma estava correta, realizei uma animação com mais de 3 mil objetos e 12 mil fotogramas, que equivalem a cerca de 8 minutos de vídeo. Após isso veio a etapa de iluminação e renderização, que foi a mais bela, já que estávamos cansados de observar apenas a animação. Assim que essa etapa foi concluída, passei à pós-produção e edição com efeitos audiovisuais. 

Recomento a qualquer pessoa, seja arquiteto ou modelador 3D, passar por alguma experiência similar, pois vai exigir a solução de problemas complexos: passar do ortogonal a formas intrincadas e belas, modelar e entender os elementos e espaços, e, claro, no fim, a satisfação de ver o trabalho concluído. 

Por Nicolás Valencia, traduzido por Romullo Baratto em 28 fevereiro 2017